Burn, baby, burn…

Empório do Brasil

Putz, me descuidei e mais de duas semanas se passaram sem que eu postasse nada!
Se eu tivesse leitores eu iria me preocupar, hehehehe…
Bom, voltando ao assunto. Em uma das vezes que fui ao Greek Donner, experimentei uma cerveja artesanal, fabricada em Pareci Novo- RS pela Cervejaria Abadessa, que me agradou por ser bem leve. Conversando com meu amigo Felipe sobre cervejas eu lembrei desta e resolvi comprar para que meus amigos pudessem experimentar. Procurei então um lugar onde pudesse comprar a tal cerveja e descobri que apenas dois lugares vendem “para levar pra casa”, sendo um deles o Empório do Brasil. Pois bem, liguei pra lá, vi preços e etcs e fui buscar a tal cerveja. Chegando lá tive uma revelação: o lugar é o templo da perdição para quem gosta de especiarias e especialidades.
Tem desde tomate pelado em lata até prosciutto,passando por mascarpone e tortillas.
Pra quem procura algum ingrediente ou produto mais difícil de encontrar, vale a pena tentar lá, e os preços são razoáveis.

Empório do Brasil

Endereço: Av. Dr. Nilo Peçanha, 2364 Loja 8
Telefone(s): 51 3379 1900

Ah, a cerveja que a gente tomou era a Helles. Como o Felipe prefere cerveja amarga, talvez ele vá gostar mais da Slava.
Garrafa de 1L sai por R$14 e de 2L sai por R$24.

Exibir mapa ampliado

Anúncios

2 Respostas

  1. Rita Copetti de Queiroz

    é muito lindinho esse lugar1!!! eu ja passei la mas nção entrei! agora eu vou ir la e ver o que tem de maravilhoso! boa dica!

    novembro 8, 2007 às 3:23 pm

  2. klutz

    Bom, pra quem não sabe, o Felipe sou eu. Em conversas com o Guilherme descobri que ele tomava cerveja, mas era um pouco “chato” pra isso. Tudo bem que ele é chato pra diversas coisas, mas isso não vem ao caso… hehehehe.

    O fato é que eu acho a helles excelente, leve com sabores bem equilibrados. A Helles deles tem todas essas qualidades, e numa happy hour ou em um momento casual e tal esta cerveja se mostra uma excelente escolha.

    Como tomamos ela em um churrasco que fizemos na sede campestre do CDAK(se não sabes o que é CDAK, é porque não deve saber mesmo). Em resumo se mostrou uma excelente opção para acompanhar a carne que comemos. Modéstia a parte, apesar de ser o assador, a carne estava bem boa tb.

    Mas depois de me alongar tanto, o fato é que pro MEU gosto, eu prefiro cervejas mais encorpadas, um pouco mais amargas.

    Até em conversas com amigos eu venho falando que futuramente pretendo começar a produzir cerveja em casa, e assim pode apurar mais meu paladar e conhecer mais a arte de produzir cerveja. De repente disso surja um blog, relatando tais experiências também.

    Valeu pela lembrança, e vamo que vamo, que o capsaicina tá afudê.

    novembro 8, 2007 às 7:01 pm

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s