Burn, baby, burn…

Baumbach Ratskeller. Saúde!

Confesso que saí de casa com um pouco de medo, pois eu já tinha decido ir no Baumbach Ratskeller com a Rebeca e meu pai resolveu ir junto. Sabendo que por vezes ele pode ser muito chato seletivo pra comida, tinha potencial para dar tudo errado. De cara gostei do ambiente, parece mesmo uma casa alemã, e a idade média dos clientes beira os 3 dígitos, o que garante uma baixíssima densidade de crianças (o que geralmente é uma vantagem).

O couvert é bom, mas achei os vegetais enormes meio estranhos. Os pães e o patê de fígado são muito bons.A foto ficou uma bosta, mas eu não queria ligar o flash na cara dos outros…

Este é o Schweineschnitzel (saúde). Lombo de porco à milanesa com purê de batata e repolho roxo. Muito bom, e o repolho é particularmente gostoso.

Este é o Ratskelle Wurst Teller (saúde!). São três tipo de salsicha (Bock, mista e branca) acompanhadas de chucrute e repolho roxo. Novamente MUITO bom. Um verdadeiro festival de salsicha, e combina perfeitamente com os acompanhamentos.

Este Filé com molho de nata, aspargos e spëtzel fugia um pouco do estilo dos outros pratos mas é igualmente saboroso. Prefiro aspargos frescos, mas isso é uma chatice minha que não afeta em nada a alta qualidade do prato.

Apesar de ser um prato tipicamente húngaro, o Goulash está presente no cardápio. Infelizmente foi o único prato que eu achei “meh”. Não é ruim, mas eu esperava mais. Mais páprica e mais gosto, pra ser mais específico.

Quando viu que tinha esta pêra cozida recheada com sorvete no cardápio, a Rebeca quase caiu dura, pois era a sobremesa favorita do finado restaurante Tirolesa. Uma vez que existe um elo entre os dois restaurantes, a expectativa dela era grande. Felizmente a sobremesa correspondeu. Eu ainda prefiro a pêra cozida do Polska, mas sem dúvida esta é muito boa!

No fim das contas o jantar foi farto, muito satisfatório e não saiu tão caro quanto eu esperava: deu aproximadamente R$40 por pessoa.

Recomendo!

Anúncios

5 Respostas

  1. Confesso que quando li palavras como “chucrute”, “repolho” e “fígado”, não me senti muito animada, não. Prefiro um Submarino com mandioca frita no Schwarzwald, ou Bar do Alemão, como é mais conhecido. 😀

    setembro 29, 2008 às 1:13 pm

  2. guilhermeatencio

    Será que toda as capitais têm um “Bar do Alemão”? Por favor, descreva em mais detalhes o que é este Submarino!
    E realmente, fígado, chucrute e aquele monte de salsichas não é pra qualquer um.

    setembro 29, 2008 às 4:57 pm

  3. Este é o famoso Submarino: http://www.greatstyle.blogger.com.br/Curitiba%202.jpg

    outubro 4, 2008 às 12:55 am

  4. Por algum motivo, eu pensei em um sanduíche. E o pior é que eu JÁ CONHECIA esta combinação com o nome de submarino. Eu devo estar ficando velho.

    outubro 4, 2008 às 8:29 am

  5. Pingback: Risoto de Pomarola « Capsaicina

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s