Burn, baby, burn…

Considerações sobre os restaurantes mexicanos de Porto Alegre.

Na última quinta-feira, eu, Carlo e Rebeca fomos até Porto Alegre resolver alguns assuntos, e como estávamos com vontade de comida mexicana, fomos direto ao Tehama. Infelizmente estava fechado, então fomos ao Pueblo, que não é tão bom mas é barato e perto de onde estávamos.
Felizmente, o que é bom do Pueblo continua bom: comida boa e preço baixo (R$16 o buffet livre). Infelizmente, o que é ruim continua ruim: fila pra entrar, fila pra pegar comida e falta de lugar pra estacionar. Saímos de lá satisfeitos mas não convencidos.
Dias depois, fomos ao Tehama, um lugar que já fomos várias vezes, tanto no rodízio ao meio-dia quanto no a la carte durante a noite. O Tehama é mais caro, mas oferece uma variedade bem maior e pratos mais saborosos, além de não ter a MALDITA fila do Pueblo. Chegando lá, tivemos uma ótima surpresa: agora a casa funciona em sistema misto, tendo todos os ingredientes necessários para montar tacos, nachos, burritos além de outros pratos disponíveis em um buffet, enquanto fajitas, queisadillas e burritos já montados são levados à mesa, como um rodízio. Pessoalmente, acho que eles conseguiram juntar o melhor de cada sistema, além de agora oferecem saldas muito interessantes. Entre elas, destaco a “Salada Acapulco”, uma mistura deliciosa que consiste de manga, abacate, camarão e uma vinagrete de suco de laranja e tequila. Misture o molho de pimenta com abacaxi (também disponível no buffet) e tenha orgasmos organolépticos.
Fortemente recomendado.
Funcionamento:
Diariamente de terça a domingo, a partir das 18h30min, com sugestões bem variadas de happy hour e jantar.
Nos sábados, domingos e feriados o Tehama abre suas portas também ao meio dia, com o saboroso rodízio Tex-Mex.
E nas sextas -feiras, a partir das 11h45min, buffet executivo Tex-Mex.

Anúncios

2 Respostas

  1. Marcela Sander

    Guilherme, mas esse “buffet” é só meio dia, não?
    Fui lá não faz muito tempo, e continuava o mesmo sistema de a la carte a noite.
    E, particularmente, tb prefiro o Tehama, pois, além de tudo que tu citou, é um ambiente mais aberto e agradável que o Pueblo.
    Abraços!!

    dezembro 11, 2009 às 6:54 pm

  2. guilhermeatencio

    Exatamente!
    Desculpe se não ficou claro ali no fim, junto com os horários.
    Abraço!

    dezembro 11, 2009 às 7:51 pm

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s